Essa profissão é encantadora…

Olá! Aqui é o Emílio!

Você sabe o que é o barista? De onde vem essa palavra? De onde vem essa profissão? Como é que ela começou?

A palavra em si “barista” é um termo usado que vem de bar, mas não bar coquetelaria e sim bar pressão.

A medida de pressão da água sobre o café é dada em bar. Bar então é uma medida de pressão. Antigamente as primeiras máquinas de café usadas pelos italianos elas eram máquina grandes com um sistema de pistão, então o barista era a pessoa que dava uma pressão sobre o café.

Daí vem a palavra “barista”. Tipo aquelas máquinas de chope que tiram o chope sob pressão. As máquinas de café são máquinas de pressão sobre uma quantidade de café e daí surgiu o nome barista.

Essa profissão já existe na Europa, na Itália há mais de 70 anos e no Brasil a gente começou a ouvir falar sobre baristas a partir do ano 2001.

Na verdade houve um campeonato de baristas, o primeiro campeonato mundial em 2000 e depois em 2001 houve a primeira edição desse campeonato no Brasil, em São Paulo, e foi uma coisa restrita, um grupo de umas 20 pessoas dentro de uma sala em São Paulo, e aí foi a primeira vez que se falou de baristas no Brasil.

Muitos me perguntam se o mercado para essa profissão é melhor no exterior, em outros países, onde teriam melhores oportunidades.

A verdade é a seguinte: se você for competente naquilo que você faz você vai se dar bem aonde você estiver.

Eu mesmo já tive a oportunidade de morar fora do país e as pessoas acham que morar fora do país é uma maravilha e que você vai chegar lá e tudo vai ser resolvido.

Não é assim que a banda toca. Quando você chegar no outro país você vai encontrar problemas outros que não são seus e você vai perceber que talvez no seu próprio país você teria grandes possibilidades.

Seja profissional onde você for. O que te transforma em profissional é uma palavra chamada dedicação se você se dedicar naquilo que você quer na sua vida, ser barista, ser médico, ser cantor, ser músico, ser, sei lá, manicure e pedicure, dedique-se.

O que você fizer na sua vida com dedicação aonde você for você vai ser um grande profissional. Agora, existem países que realmente valorizam mais essa profissão.

Então os países nórdicos, Noruega, Dinamarca, Israel, Holanda, Austrália, Nova Zelândia, eles respeitam mais essa profissão.

A gente ainda tem essa cultura escravocrata onde o profissional do serviço é um ser inferior que a gente olha meio assim de cima pra baixo, meio que menosprezando.

Mas aqueles que são realmente baristas, ou aqueles que são realmente jogadores de futebol, ou qualquer coisa, eles vão se destacar e se dar bem em qualquer lugar do mundo.

Um abraço,

Emílio 

20, 21, 22 – SIC: SEMANA INTERNACIONAL DO CAFÉ

Semana Internacional do Café (SIC) – em novembro – chega à sétima edição com promoção de negócios ao café especial brasileiro e atividades de conexão entre os profissionais do setor

Principal evento nacional e um dos maiores do mundo, a Semana Internacional do Café (SIC) conta com extensa programação de conteúdo, além da maior feira do setor. Será de 20 a 22 de novembro de 2019, no Expominas, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Continue reading “20, 21, 22 – SIC: SEMANA INTERNACIONAL DO CAFÉ”

PROGRAMAÇÃO DA CASA

11/10/2019 – sexta-feira

Presença da Curadora e artista GIULIANA SOMMANTICO para falar sobre essa linda experiência.

Teremos durante o evento comidinhas e bebidas, com atenção especial para os maravilhosos drinks de café.

Entre as comidinhas, teremos a  opção especial de uma deliciosa massa feita numa panela de queijo parmesão, preparada por Emílio Rodrigues.

  • 20h – Encerramento

Continue reading “PROGRAMAÇÃO DA CASA”

(EVENTO) 2º Festival Gamboa de Portos Abertos

Machado de Assis, o maior escritor brasileiro de todos os tempos, será homenageado no 2º Gamboa de Portos Abertos | Edição Literatura, na zona portuária carioca. Destaques da programação: nos Espaços Culturais, lançamento virtual do livro “O que será”, de Jean Wyllys; palestra da tradutora Mara Welferinger sobre o livro “Aprendo, logo existo: introdução à neuropedagogia, de Hélène Trocmé-Fabre; músicas de Cartola, com Angélica de Paula; shows com o percussionista Carlos Negreiros & Quase tudo Pandeiro, e a cantora Cátia de França. Na Praça da Harmonia, atividades dedicadas à garotada no “Dia das Crianças” como a “Roda de Conversa” com a escritora Luciana Grether, Mestre em Artes & Design e ilustradora premiada internacionalmente; lançamento do livro “Meu Lote” do Mestre Nei Lopes”; “Roda de Samba” com a cantora Dorina. Continue reading “(EVENTO) 2º Festival Gamboa de Portos Abertos”

A importância do ponto de torra do café!

Olá! Aqui é o Emílio!

 

ponto de torra é um fator crucial, pois ela determina a percepção dos aromas e sabores característicos de um bom café.

As torras mais leves ou claras, são recomendadas para aquelas pessoas que gostam de apreciar aromas e sabores relacionados a acidez cítrica, frutados e herbáceos do café. São torras recomendadas para quem utiliza métodos de preparo como prensa francesa, coadores de pano ou de papel, aeropress, ou até mesmo para compensar o calor excessivo de métodos como a cafeteira italiana ou o globinho (sifão).

Continue reading “A importância do ponto de torra do café!”

Olha a água!

Olá, tudo bem? Aqui é o Emílio!

Falar da água é como falar da vida. Afinal, não existiria a vida se não fosse a água. E quando se trata do café, podemos dizer que 95% do conteúdo de uma xícara é água, então ela é um ingrediente fundamental numa boa xícara de café.

Questões importantes sobre a água na preparação do café:

Continue reading “Olha a água!”